EMMA RUTH RUNDLE | guitarrista compositora encanta Europa (Reportagem na Alemanha)

A GS esteve representada pelo nosso colaborador Hélder Martins, no SOHO STAGE, em Augsburgo (Alemanha) a assistir ao concerto da americana Emma Ruth Rundle.

EMMA RUTH RUNDLE é uma guitarrista, compositora e cantora dos seus próprios temas. Nasceu e foi criada em Los Angeles (EUA), com sua irmã numa casa onde muita música folclórica era tocada e cantada. EMMA considera que uma das suas grandes influências foi David Lynch. 

Com sua primeira banda, os Nocturnes, ela lançou o Wellington EP (2008) e dois álbuns, A Year of Spring (2009) e Aokigahara (2011). Rundle juntou-se ainda a Red Sparowes e participou no seu terceiro álbum, The Fear Is Excruciating, but Therein Lies the Answer , lançado pela Sargent House em 6 de abril de 2010.

Ela lançou ainda um álbum de guitarra ambiente, Electric Guitar: One , em 2011. Mais tarde foi reeditado em 2014 pela Errant Child Recordings.

Em 2012, ela formou o trio Marriages, que lançou o EP Kitsune (2012) e Salome full-length (2015).

O álbum solo de estréia de Rundle, Some Heavy Ocean , foi lançado em 20 de maio de 2014 pela Sargent House. Foi co-produzido por Chris Common e gravado no estúdio da Sargent House. Rundle morou no complexo de estúdios como artista-residente do período. O lançamento foi acompanhado por uma digressão pelos EUA com o King Buzzo .

Rundle sofre de adenomiose , que em parte inspirou o material de seu segundo álbum, Marked for Death , produzido por Sonny DiPerri. Foi lançado em outubro de 2016 na Sargent House. 

Em janeiro de 2017, um EP dividido com Jaye Jayle, intitulado The Time Between Us , foi anunciado, e a música “The Distance” foi disponibilizada em plataformas de streaming. O EP foi lançado pela Sargent House em 24 de fevereiro. 

Concerto na Alemanha…SOHO STAGE…um espaço intimista….

O concerto no SOHO STAGE, e desde já agradecemos ao Markus Mehr, responsável por este artigo, por ter autorizado a presença de Helder neste concerto, foi um pouco à imagem da sala onde se encontrava.

Intimista, solitária em cima do palco, executante das suas guitarras com um enorme sentimento, fizeram florir as suas composições e as suas letras. Notámos um lado obscuro, de uma mente musicalmente brilhante, capaz de transmitir a “esquizofrenia” do quotidiano da Humanidade. O seu ar singelo transmitiu ao público presente, que preencheu quase por completo a sala, um sentimento de serenidade, onde era apenas a sua música e os acordes das suas guitarras, a fazerem transparecer tudo o que ia na alma de cada um presente na sala. EMMA RUTH RUNDLE é uma artista no seu verdadeiro conceito da palavra.

EMMA RUTH RUNDLE estará presente em  Portugal para dois concertos, que aconselhamos a todos os que procuram alma e sentimento na música e na sonoridade da guitarra. No dia 11 de Outubro estará presente no Porto (no Passos Emanuel), e no dia 12 do mesmo mês, em Lisboa, no Music Box. Ambos os concertos terão a participação de Jaye Jayle.

REPORTAGEM FOTOGRÁFICA DO CONCERTO EM SOHO STAGE (ALEMANHA)